Siga-nos em

Geral

STF: Rosa Weber abre inquérito para investigar Bolsonaro no caso da Covaxin

Publicado

em

No final da noite desta sexta-feira (2), a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber autorizou a abertura de um inquérito para apurar a conduta do presidente Jair Bolsonaro no caso da negociação para a aquisição da vacina Covaxin.

A investigação, solicitada mais cedo pela Procuradoria-Geral da República, verificará se o presidente da República cometeu prevaricação e não tomou as medidas cabíveis diante da denúncia de supostas irregularidades no processo de aquisição dessas vacinas.

“A hipótese criminal aventada envolve a suspeita de prática, pelo Chefe do Poder Executivo da União, de crime funcional contra a Administração Pública, consistente no possível retardamento indevido de ato de ofício, para efeito de satisfazer interesse ou sentimento pessoal, a sugerir o enquadramento dessa eventual conduta no tipo penal descrito no art. 319 do CP”, diz Weber.

Compartilhe esta notícia

Clique aqui