Siga-nos em

Geral

Protestos do MBL contra Bolsonaro têm baixa adesão no Rio e em outras capitais

No Twitter, internautas ironizaram os atos e elevaram a #DerreteMBL

Publicado

em

Marcadas para a manhã deste domingo (12), as manifestações do Movimento Brasil Livre (MBL) e do Vem Pra Rua (VPR) a favor do impeachment do presidente Jair Bolsonaro em cidades como Rio de Janeiro (RJ) e Belo Horizonte (BH) tiveram baixa adesão até o momento.

Mesmo com o discurso de “frente ampla”, que incentiva a inclusão de adeptos de outros espectros políticos, incluindo a esquerda, o contraste com os atos pró-governo do dia 7 de setembro é evidente. No feriado da Independência, milhares de pessoas ocuparam a orla de Copacabana, chegando ainda antes do horário previsto.

– Inicialmente, era “nem Lula, nem Bolsonaro”, mas abrimos mão, porque partidos de esquerda se uniram ao movimento, como PSB, PDT, PCdoB, Cidadania. Copacabana é um palco de manifestações de direita e hoje é uma resposta à manifestação do dia 7. É um primeiro ato, pode não ter muita adesão, mas os próximos terão – disse ao portal UOL, Leticia Arsênio, uma das organizadoras do ato.

Em Belo Horizonte, um grupo de pessoas vestidas de branco, sinalizando a ausência de pautas partidárias, se concentra desde às 10h para pedir o impeachment.

No Twitter, internautas ironizaram a baixa adesão e elevaram a hashtag #DerreteMBL para um dos assuntos destaques deste domingo.

*PN.

Compartilhe esta notícia

Clique aqui
Clique aqui