Connect with us

Educação

Curso da UFSCar sobre uso de correntes elétricas para tratamento da dor oferece vagas gratuitas

Formação ofertada pela Universidade Federal de São Carlos, que apresenta as novidades da técnica analgésica, está com inscrições abertas

Publicado

em

Curso da UFSCar sobre uso de correntes elétricas para tratamento da dor oferece vagas gratuitas
© Foto Divulgação

O uso de correntes elétricas para o tratamento da dor é uma das técnicas mais difundidas e eficazes do mundo. O recurso, usado há mais de dois milênios pela humanidade, não deixou de ser atualizado pelos cientistas até hoje. Para apresentar as novidades da área, estão abertas as inscrições para o curso online “Correntes Elétricas Analgésicas de Baixa e Média Frequência – Prática Baseada em Evidências”, ofertado pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Há 7 vagas gratuitas para estudantes e profissionais da área da saúde do quadro permanente da Universidade e outras 3 vagas gratuitas para estudantes e profissionais da área da saúde que não façam parte da comunidade universitária.

Publicidade
>

De acordo com Richard Eloin Liebano, docente do Departamento de Fisioterapia da UFSCar, coordenador do curso e autor de livros e de mais de uma centena de artigos publicados, a técnica promove o alívio da dor já durante a sessão de terapia e o efeito pode durar por horas após a aplicação, além de facilitar o processo de reabilitação de pacientes com limitações de mobilidade. “Desde 400 anos a.C., há relatos do uso de peixes elétricos, por exemplo, com o objetivo de controlar a dor. Esse tipo de tratamento não apresenta efeitos adversos e tem poucas contraindicações”, descreve.

Diversos estudos científicos têm sido realizados para aprofundar os conhecimentos em relação ao mecanismo de ação e a investigação de como os parâmetros (frequência, duração do pulso e intensidade) devem ser ajustados para melhorar os resultados desse tipo de recurso. “Com o passar dos anos, a aplicação foi aprimorada e, hoje, equipamentos modernos e capacitados atendem diversas condições dolorosas de pacientes. Sendo assim, estudantes e profissionais da área da saúde precisam se atualizar para aplicar o tratamento da dor aguda e crônica de forma mais eficaz de acordo com a ciência”, ressalta o especialista, que também é responsável pelo Laboratório de Pesquisa em Recursos Fisioterapêuticos (LAREF) da UFSCar.

Publicidade

As aulas ocorrem no dia 9 de abril, das 8 às 17h30. Estudantes e profissionais da área da saúde que desejam aprimorar o conhecimento sobre como utilizar adequadamente a técnica para o tratamento da dor, aguda ou crônica, podem participar. Os interessados podem se inscrever na Plataforma Box UFSCar, em www.box.ufscar.br. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail eletroanalgesia.ufscar@gmail.com.

Siga o @pinhalportal no Instagram e no Google News. Participe também do WhatsApp e do Telegram.

Publicidade

Publicidade

Siga o Portal de Pinhal no Google News e receba alertas sobre as principais notícias.